mercredi 18 février 2009

"O Tempo"

Luz, calor...

Paz, amor...



Brisa leve, rosto sereno...

A emoção transcreve, o olhar fica atento...



Respiração irregular...

Fogo ardente faz queimar...



Arrepio à flor da pele...

Flutua como folha de papel...


Olhar misterioso...

Sorriso glamoroso...



Sente-se dentro...

Vive-se como se fosse o momento.

2 commentaires:

Anonyme a dit…

será o Tempo dono dos nossos minutos,dias e anos, ou seremos nós os donos do nosso Tempo?!
há dias que parecem arrastar-se ao passar do Tempo.o relógio recusa-se a acelerar ao ritmo da nossa vontade.um tic tac..tic tac... vagoroso que teima em nos fazer sentir que é o Tempo que nos domina.
depois há outros dias..dias em que tudo ''corre'' a uma velocidade estonteante. desejamos agarrar os minutos para os ''saborear'' com a dedicação que merecem. cada hora é tão rápida que passa num piscar de olhos. parece que não temos Tempo de apreciar o Tempo que passa.mais uma vez o Tempo nos domina.
por fim, há momentos especiais de dias banais... há momentos de sonho, mesmo estando acordados...há momentos inesqueciveis que perduram na nossa memória. momentos desses são intemporais!! momentos desses fazem-nos sentir unos com o Universo e ao mesmo tempo isolados daquilo que nos rodeia.sobrevive a memória do momento.por muito Tempo que passe, não há Tempo que apague o momento.e aí somos nós, seres frágeis e pereciveis ao passar do Tempo,que dominamos o Tempo recordando o momento!!
resta saber que momento guardaste tu, roubando-o ao Tempo...
jinhos e coiso i tal :-))

ass: alguns minutos do teu Tempo

teu patinho a dit…

um dono ditador, k nos ajuda no entanto, a compreeender muitas coisas.Mas será que verdadeiramnte as iremos entender alguma vez?
por mim, ha coisas k se perdem e se ganham com este ditador univer sal, nao para e a melhor coisa a fazer om ele é ignora-lo, dando tempo ao tempo...nem eu sei bem onde quero chegar com esta atitude mas gostei mt do teu escrito,daí este comentario.continua bjs