jeudi 12 juillet 2018

Música para os meus ouvidos

Desde que cheguei a Portugal que reparo que imensas publicidades, sobretudo das telecomunicações, estão a destacar música portuguesa e músicos portugueses, assim como as rádios passam cada vez mais música nacional.

Não sei se os managers destes músicos puseram a navalha ao pescoço das rádios e da televisão, mas finalmente os talentos são valorizados no seu devido valor, após anos de música da treta a ser ouvida e toda igual.

Silence4 e Hands On Approach, voltem !


mercredi 27 juin 2018

Hierarquia

Numa empresa, analisando de forma ligeira (que isto das Teorias Manageriais torna-se chato), a base da hierarquia critica os responsáveis, os responsáveis criticam os chefes, os chefes criticam a Direcção, e a Direcção não critica ninguém, porque não precisa de se chatear com essas coisas.

E mesmo se eu já cheguei a esta conclusão, ainda não aprendi que de nada serve usar a minha paciência nesta hierarquia.

mardi 19 juin 2018

Isto está lento...

Ando cansada. Físicamente e psicológicamente.

Isto deve ser de andar a ver a série "Westworld", que aquilo é uma complicação que nem a própria complicação se entende, e de andar sempre a experimentar bikinis para as férias que estão a chegar, pois isto de andar sempre a despir-se e vestir-se numa cabine, ficando sempre em cuecas, tem que se lhe diga.

Valha-me o facto de estarem 26 graus e isto parecer um país tropical, para ver a luz ao fundo do túnel.

dimanche 3 juin 2018

8 ou 80

Existe uma quantidade astronómica de artigos que saem diáriamente sobre como educar os filhos, o que é certo e errado, como os pais devem gerir a angústia face aos problemas de saúde e os comportamentos dos filhos, polémicas sobre programas destinados à educação dos filhos e a sua alimentação.

E eu pergunto-me: onde está toda essa quantidade de artigos para os filhos com pais idosos e em lares ou com Alzheimer, o que é certo e errado quando se cuida de pessoas idosas, onde estão os programas televisivos sobre a última etapa das pessoas que chegam à velhice?

O ser humano é mesmo assim... 8 ou 80.


jeudi 17 mai 2018

Ondas

Ontem senti pela primeira vez na minha ainda curta vida um sismo.

Mas como sou racional, dei como explicação à minha adrenalina que devia ser um camião a passar ao lado do prédio (um graaaaande camião, portanto), e ela sossegou logo.

Só esta manhã percebi ao ouvir as notícias, que afinal o camião não tinha passado ao lado do meu prédio.

Para a próxima, talvez pense que seja um tanque militar. É melhor.


mercredi 9 mai 2018

Kanye West vs Snoop Dogg



VS






O Snoop Dogg disse tudo.

samedi 28 avril 2018

Efeito Mandela

Efeito Mandela... A minha cabeça está cheia deste efeito. Tanta coisa em que eu acreditei ou acreditava, e afinal, não passava ou passa de simples idéias virais repletas de dogmas, falácias e hipóteses, influências dos magnatas na comunicação dita de livre arbítrio, real e instantânea. 


Vivemos num Mundo pseudointelectual. O Tweeter, Facebook e Instagram faz-nos pensar que sabemos tudo. E afinal, não sabemos nada. Nem nunca vamos saber. É demasiado esforço procurármos a verdade. Fiquemo-nos por aqui.