vendredi 23 septembre 2011

A Chefe

"Dou a minha mão em como virás a ser enfermeira-chefe...", diz-me a minha chefe.

[Pausa de 2 minutos, para digerir o comentário]

"Ó S., tás a falar do quê?", pergunto-lhe.

"De ti! Do teu carácter! Vais ser enfermeira-chefe! Ah! E vais levar com todos a quererem mudar de horário e desejar numa próxima vida ser um cogumelo, prepara-te!", continua ela.

[Pausa...]

Só me saiu da boca um...

"Ó S, tás bem?"

[Um dia vou ser enfermeira-chefe... Foi ela que disse :p]

2 commentaires:

Mariavaicomasoutras a dit…

Ora toma...enganou-te, que essa coisa acabou (esses são subsistentes) agora só se chegares a principal...só que tu já és!

Beijoca da Maria*

Anonyme a dit…

E se a chefe disse , ''tá'' dito , nem se questiona a premonição da sra, que ela lá deve saber.
Não te conheço como trabalhadora , mas pelo que conheço de ti como pessoa, sou levado a crer que a tua chefe está coberta de bons motivos para ter dito o que disse. :)
Jinhos e coiso i tal!! :-))


ass: chefe de mim