jeudi 10 février 2011

Amor

Escrevi isto num comentário ao post da Lisie:

"... o amor constrói-se, resiste ao tempo e às adversidades, e fica, porque simplesmente, vale a pena ficar."

Ando inspirada :).

Fica aqui uma musiquinha lamechas, aproveitando o lanço:

Ronan Keating - When You Say Nothing At All

5 commentaires:

Lisie a dit…

foi um comentário que fez-me pensar ainda mais sobre o que escrevi. e estou a ver que se dependesse de muitas mulheres, o amor era sempre qualquer coisa de diferente e especial. resta saber o que os homens pensam deste assunto :)
Obrigada por passares no meu blog. Beijinho e bom resto de dia! *

CF a dit…

Verdadeiramente inspirada se considerarmos que as definições de amor a cada qual pertence...
Gosto desta música e do mesmo filme onde a ouvi a primeira vez gosto de "she" do Elvis Costello.
Conheces?
bjs

DeepGirl a dit…

Lisie...

De nada, querida :).

Gostei!

Beijinho!

DeepGirl a dit…

CF,

Conheço sim!

Também gosto :p.

Beijinho!

Anonyme a dit…

Inspirada... pelo próprio do amor , digo eu, assim meio à sorte. :P
É curioso , ainda não há muito tempo, por mero acaso , fui esbarrar na tradução da letra dessa música , música que já conhecia e que já ouvi várias vezes. Ao ler a tradução da letra, sem acompanhamento musical , apercebi-me melhor da beleza das palavras nela contidas.
Sobre a tua frase... Concordo, acrescentando que se o amor fica, resiste ao tempo e adversidades , é porque , além de valer a pena ficar , foi construído em cima de uma base sólida, capaz de aguentar os ''terramotos'' que podem abalar uma relação e um sentimento entre 2 pessoas que se amam. :)
Jinhos e coiso i tal!! :-))

ass: amoroso