sábado, 2 de outubro de 2010

Comentários?

Imaginem que existem assim uns 700 cães, e apenas 30 ossos para os tais.

a) Cada um apanha tantos quanto pode e cala-se caladinho;
b) Cada um apanha tantos quanto pode e começa a uivar de tristeza para dar a entender que não apanhou peta;
c) Partilham os ossos.

Assim vai a procura de um emprego na área da Enfermagem... No comments.

4 comentários:

siceramente disse...

já ouvi falar nisso... terrível!

Patife disse...

Pelo que ouço é em todas as áreas... É vida de cão mesmo. ;)

Ana Ferreira disse...

looooooooooooooooooooooooool é que é mesmo isso. Falta só a parte daqueles cães que sendo só um encontram 5 ossos mas não contam a ninguém não vá alguém ser mais rápido!
E ainda falam da competitividade no curso...

Anónimo disse...

Não há como ter um bom dono ... ou umbom ''padrinho'', zeloso e facilitador do fácil surgimento de ossos e de oportunidades.
Tu rosna, Deep, tu rosna muito...
Deixa a tua marca no máximo de território possível...
E , mais dia menos dia, aparece aquele osso gigante que tu sonhas poder ter . :)
Jinhos e coiso i tal!! :-))

ass: béu béu